Amassa que elas gostam

Curtas de Humor  disponibilizados pelo Porta-curtas e produções humorísticas de parceiros.


939

Views

Mulher solitária e casta descobre o amor de forma muito pouco convencional. Ao entrar, por engano, em um cinema pornô, se apaixona pelo protagonista, um atleta sexual feito de massa de modelar. Uma relação atípica que leva a um desfecho dramático e surpreendente. 

 


Gênero: AnimaçãoFicção 

Subgênero: Comédia 

Diretor: Fernando Coster 

Elenco: Malu BierrenbachNuno Leal Maia 

Duração: 14 min     Ano: 1998     Bitola: 35mm 

País: Brasil     Local de Produção: SP 

Cor: Colorido 

Produção: Leila BourdokanSérgio Cotrim 

Fotografia: Jacob SolitrenickMarcio Langeani 

Roteiro: F. BonassiF. CosterJ. R. ToreroR. Haber 

Edição: Cristina Amaral 

Som Direto: Luiz Adelmo 

Direção de Arte: Billy CastilhoJejo Cornelsen 

Animação: Fernando Coster 

Trilha original: Laércio de Freitas 

Edição de som: Franciso Mosquera 

Cenografia: Beth BottecchiaEduardo PaivaJejo Cornelsen 

Figurino: Du PiranJuca Lara 

Sobre o autor: Porta-Curtas

O Porta Curtas é um projeto que visa não apenas trazer os melhores curtas-metragens brasileiros para a internet, mas também formar um painel representativo da produção nacional de curtas em termos de décadas, técnicas, tendências e elencos.

O Porta Curtas é pioneiro na Internet nacional, pois todos os curtas disponíveis são exibidos em sua forma original, sem cortes, e os direitos autorais dos criadores são sempre respeitados. Desde seu início, em agosto de 2002, o Porta Curtas conta com o patrocínio da Petrobras.

A TeleObjetiva exibe em seu site algumas produções disponibilizadas pelo Porta-Curtas.

Fonte: http://portacurtas.org.br/faq/categoria.aspx?ifaq=6


+ informações
email:
Sobre a TeleObjetiva

A TeleObjetiva estúdio de comunicação Ltda é uma produtora de TV, Vídeo e Fotografia, com sede em São Paulo-SP. Oferece ao mercado soluções em transmissão ao vivo, programas e comerciais em vídeo para TV e Internet e o desenvolvimento de WebRádios, WebTVs e TVs Corporativas.

Newsletter